Hedonismo

O que é hedonismo? Vamos à teoria. Tenham um pouco de paciência: é importante.

“O hedonismo é uma doutrina filosófica que proclama o prazer como fim supremo da vida. Por isso, os hedonistas baseiam a sua existência na busca pelo prazer e na supressão da dor.

Trata-se de um grupo de teorias morais que destacam que, de uma forma geral, tudo o que faz o homem é uma forma de conseguir/obter outra coisa. Só o próprio prazer é procurado por si só.

Pode-se distinguir duas formas básicas do hedonismo: o hedonismo ético — como devemos agir para aumentar o prazer e diminuir a dor — e o hedonismo psicológico — como agimos para aumentar o prazer e diminuir a dor.

Existe ainda o que se chama de “egoísmo hedonista”, que se caracteriza pelo indivíduo em buscar apenas o seu bem-estar e satisfação, e o “utilitarismo” (ou também conhecido como “hedonismo universalista”) que é quando alguém busca o bem-estar do grupo do qual está inserido.” Conceito.de

Por ser um conceito filosófico, nos confunde um pouco, mas em suma: hedonismo é a busca de uma vida mais prazerosa, o indivíduo tenta na maioria das vezes sair do sofrimento e caminhar para seu bem-estar, o das pessoas que ama e o da sociedade que se encontra.

De imediato, pode parecer uma tarefa relativamente fácil, porém não é. São dezenas as razões: nos sabotamos, sentimos culpa, não nos perdoamos, nos comparamos com os outros o tempo todo, nos preocupamos com as coisas mais do que é necessário e muito mais.

Com isso, a vida passa, e não desfrutamos dela.

Daí vem a pergunta: então, Jony, o que devo fazer para sentir mais prazer na vida?

Vou apelar novamente à minha sábia oma Ruth. Ela dizia: “netinho, o prazer da vida está nas coisas pequenas e simples: o pão com manteiga, café coado-quente, o cheiro do café coado, o sorriso de uma criança, uma flor, um telefonema de alguém perguntando como você está, um abraço apertado, um jogo de carteado com amigos no fim de semana, um pedaço de pizza na noite de domingo, uma música querida, o canto do canário no quintal…e outras. Cada um tem uma lista esquecida em sua cabeça”. 

Portanto, após ler esse artigo ou escutar o podcast, sugiro que pegue papel e lápis e liste sete coisas prazerosas e simples que te deixam feliz. E, cada vez que se sentir triste, desiludido ou deprimido, leia a lista.

Um beijo no coração.

Publicado por jony1818

Sou coach, psicodramatista, triatleta e maratonista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: